Institucional

03/10/2017

Dia 06 de Outubro – Dia do Turismo Regional

Estamos mostrando que o Paraná tem tesouros de interesse turístico, que lapidados podem se tornar produtos turísticos.

Este trabalho começou em 1998, quando foi realizado em Campo Mourão o Seminário “Rede de Turismo Regional” para dar lastro às iniciativas isoladas como na Gastronomia Regional com o Carneiro no Buraco e no Turismo Rural, com a Pousada A Fazendinha, Pousada Parque das Gabirobas e Fazenda Água Azul Ecoturismo.

Surgia lá o embrião da RETUR-Rede de Turismo Regional cujo movimento possibilitou que fosse institucionalizada com sede em Maringá, no dia 30 de maio de 2003 e posteriormente credenciada em 06 de outubro de 2003 como OSCIP-Organização da Sociedade Civil de Interesse Público, pelo Ministério da Justiça. 

De lá pra cá, nesta trajetória muito foi feito pela RETUR para que o noroeste do Paraná descobrisse as oportunidades do Turismo Receptivo ao invés de valorizar apenas o Turismo Emissivo.

A criação e coordenação do GETER – Grupo de Empreendedores do Turismo no Espaço Regional, possibilitou divulgar em folheterias e em feiras a emergente oferta de Hospitalidade Rural, com empreendimentos no eixo Roncador-Rolândia unindo regiões pelo Turismo. Pela primeira vez as pessoas tinham em mãos dados de um conjunto de pousadas e hotéis fazenda no Paraná.

A necessidade de maior divulgação trouxe uma nova missão e para tal, a RETUR criou o Jornal Turismo é Aqui com periodicidade mensal pelo período cinco anos e gradativamente substituído pelas redes sociais.

Para fortalecer a cultura turística ainda incipiente, a RETUR organizou como contribuição prática, o Programa de Formação de Agentes de Desenvolvimento pelo Turismo, formando capital humano com empoderamento pelo conhecimento de pessoas em atividades de interesse turístico. E ainda, com os cursos de Agentes Mirins-Guias do Amanhã, mais de 700 crianças tomaram gosto pelo novo jeito de celebrar e ganhar a vida..

Toda esta bagagem levou a RETUR a liderar a criação da Região Turística do Noroeste do Paraná do Paraná com a orquestração criativa na concepção da marca de Corredores das Águas, com visão de identidade fundamentada em seus importantes rios. Se o Paraná hoje valoriza as suas Águas Doces, é bom lembrar que tudo começou por aqui...

Prestando serviços a municípios com interesse turístico, promovendo cultura turística por redes sociais, sempre presente nas principais feiras e eventos, tem a missão especial de atuar como IGR-Instância de Governança Regional do conjunto de 49 municípios, que forma a maior região turística do Paraná, em parceria com o Ministério do Turismo e SEET/Paraná Turismo.

A RETUR conta com o reconhecimento de utilidade pública pelo estado do Paraná, por Maringá e outros municípios. Participa de importantes Conselhos nas esferas estadual, regional e municipal.
Este relato de maneira resumida levou o então Deputado Douglas Fabrício-hoje Secretário de Estado do Esporte e do Turismo, a ser o autor da Lei Estadual nº 17.182/2012 para “Reconhecer e Oficializar o Dia do Turismo Regional”. A argumentação e a escolha da data foi baseada no dia em que se deu o seu credenciamento da RETUR como OSCIP pelo Ministério da Justiça.

Como se vê, temos uma linda história feita com muito trabalho, determinação e voluntarismo, por quem acredita que o Turismo pode ser a nova economia, que não discrimina municípios e oferece a aqueles que dificilmente terão indústrias, a terem suas fábricas de cordialidade, recebendo–encantando-vendendo aquilo que só pode ser consumido na sua localidade.

Que os novos prefeitos acordem para uma nova época de possibilidades, investindo na municipalização e regionalização do Turismo.

Comemoramos o Dia do Turismo Regional na data de 06 de outubro, mas para praticá-lo temos o ano inteiro, visite nosso site: www.turismoregional.com.br

Wanda Pille-Presidente da RETUR-Rede de Turismo Regional e Conselheira do CEPATUR.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.