Confira o que aconteceu na 86ª Reunião Ordinária do CEPATUR
01/07/2021 - 18:04

Cursos voltados ao empresariado do setor do turismo foram apresentados aos representantes do Conselho Paranaense de Turismo (Cepatur), durante a 86ª reunião extraordinária do Conselho, no mês de julho.

A retomada do turismo no Estado é uma preocupação da Paraná Turismo, vinculada à Secretaria do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo (Sedest). De acordo com o diretor-presidente da autarquia, João Jacob Mehl, a aposta do Paraná é no turismo de natureza.

“Precisamos capacitar ainda mais os guias de todo o Paraná, principalmente os que atuam na área rural, com o turismo ecológico, pois são locais que oferecem desafios aos turistas”, afirmou.

O Senac e o Sebrae apresentaram opções de cursos gratuitos e de baixo custo, voltados ao setor. O objetivo é oferecer capacitação a cerca de 1800 guias registrados no Paraná.

O diretor-presidente do IAT, Everton Souza, destacou o patrimônio natural que existe no turismo paranaense e citou grandes empreendimentos que estão se instalando no Paraná.

“O desafio da gestão ambiental é de proteger o meio ambiente e também fazer com que o grande patrimônio natural do Paraná se traduza em qualidade de vida aos paranaenses e brasileiros”, destacou.

Souza apresentou aos conselheiros a estrutura organizacional do IAT e da Sedest, como a diretoria do Patrimônio Natural. “Atuamos para cumprir a política pública determinada pelo governador, que é de trabalhar de forma integrada e, dessa forma, gerar realizações em prol da sociedade paranaense”, completou.

CAPACITAÇÕES – O Sebrae Paraná elaborou, em conjunto com a Paraná Turismo, Fecomércio e entidades de classe, manuais de conduta segura. Para cada manual, foi elaborado um curso gratuito e de pouca duração, disponível no site da instituição (www.sebrae.com.br).

Outros cursos disponíveis no site do Sebrae são: “Qualidade no Atendimento ao Turista” e “Souvenir: como o turista pode impulsionar o mercado do artesanato”.

Já o Senac criou cursos gratuitos específicos para a retomada do turismo pós-pandemia. Na modalidade remota, são ofertados os seguintes cursos: Ferramentas de marketing digital, Organização e planejamento do receptivo turístico, Gestão de empreendimentos turísticos no espaço rural, Empregabilidade e empreendedorismo no turismo rural, Gestão de pequenos negócios em comércio e serviços e Turismo: gestão dos relacionamentos estratégicos.

A instituição oferta cursos presenciais, que no momento estão sendo feitos de maneira remota, devido à pandemia. São eles: Design de experiências turísticas, Qualidade no atendimento ao turista estrangeiro, Biodiversidade e turismo, Estratégias de vendas aplicadas ao turismo local, Segmentação turística: planejamento e estratégias de atuação, Agente de informações turísticas e Condutor de turismo de aventura.

Também são ofertadas capacitações sobre Boas práticas para serviços de alimentação, Sustentabilidade aplicada à cozinha, Atendimento receptivo para o turismo religioso, Aperfeiçoamento ao atendimento do turismo religioso.

 

Texto: Priscila Paganotto

Revisão: Tiago Piontekievicz